Jovens e a internet

9 dez

As comunidades virtuais representam um papel crescente na vida dos adolescentes.
Mais de 90% destes jovens tem acesso à Internet, sendo que a grande maioria a utiliza diariamente e mais da metade tem uma rede social através dela.
Neste grupo populacional, os sites de relacionamento são locais de identidade para a exploração e interação entre grupos. É um local também onde os usuários criam perfis pessoais quem podem conter áudios, vídeos, textos e imagens. Para os adolescentes mais isolados, como aqueles com interesses foram dos padrões usualmente encontrados e/ou esperados na sociedade, estes sites promovem uma interação social que de outra forma não aconteceria.
Muitos são tímidos e nas redes sociais “se encontram”, sentem-se mais à vontade para conversar e conhecer pessoas.
Contudo, acima dos potenciais benefícios de interação e troca de conhecimento, existem riscos associados ao conteúdo os perfis desenhados pelos adolescentes. Estes sites também são um local onde os adolescentes mostram publicamente seus hábitos de vida, alguns associados a riscos para a saúde, tais como comportamento sexual e o uso de drogas.
Falar a todos onde está, por exemplo, pode ser “uma deixa” para possíveis assaltos.
Apesar do uso da internet para a criação de uma rede social ser uma prática considerada normal da idade, existem perigos na exibição on‐line de certas informações, a exemplo destes perigos, hackers e maníacos sexuais.
A veracidade das informações publicadas é desconhecida; porém, alguns estudos demonstraram que o uso do computador encoraja a expressão pessoal e o auto‐relato em níveis maiores do que aconteceria normalmente. Alguns dados suportam a idéia que as informações divulgadas correspondem, além das práticas reais, a intenção de um dia ter determinado comportamento.
Dada a popularidade dos sites de relacionamento entre os adolescentes, estes sites acabam servindo como ditadores de modas e regras, influenciando outros adolescentes a terem determinado estilo de vida. Por exemplo, referências a praticas sexuais podem criar a ilusão de que o sexo é glamoroso e livre de riscos, promovendo a iniciação sexual.
Um estudo conduzido nos Estados Unidos tentou determinar se intervenções on‐line reduziriam a exibição de informações referentes a práticas sexuais e ao uso de drogas nos sites de relacionamento. Concluiu‐se que um simples e‐mail, de maneira curta, enviado pelos próprios sites promoveu uma redução na publicação de tais informações.
A maioria das causas mais importantes de morbidade e mortalidade entre os adolescentes estão associadas com comportamentos de risco à saúde, como práticas sexuais, uso drogas e violência. Fatores protetores, como o envolvimento em entidades religiosas, práticas de sports e hobby, têm sido demonstrados como benéficos para a redução de tais comportamentos. A identificação de fatores que influenciem os adolescentes no envolvimento às práticas “perigosas” ainda permanece um desafio. A investigação dos comportamentos de risco exibidos nos sites de relacionamento pode providenciar novas fontes de informações sobre a maneira de ver e tomar decisões em relação a estes comportamentos.

Computador-Criança-hg-20101011

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: