Relacionamentos nascidos na internet

13 nov

Nos dias de hoje, é comum a aproximação de pessoas por meio da internet. O mundo virtual, repleto de comunidades, sites, salas de bate-papo e programas de conversação, facilita o contato entre pessoas de diferentes lugares do país e do mundo, que talvez nunca fossem se encontrar na agitada vida real.

Será que os relacionamentos virtuais são sadios? Se são, até que ponto? E mais, podemos confiar cegamente nas pessoas com as quais nos relacionamos virtualmente?

Com o boom das redes sociais, cresceu o número de relacionamentos virtuais. Seja através do orkut, msn, e-mail ou twitter as pessoas se relacionam cada vez mais através da rede, para fazer novas amizades, conhecer pessoas e quem sabe, encontrar um novo amor.

Imaginar como a pessoa com a qual você ‘tecla’ realmente é, chega a ser até emocionante, excitante. Imaginar reações, sensações, mexe com todos os sentidos. Um relacionamento amoroso de forma virtual pode ser até mais empolgante do que um relacionamento real, pela emoção de cada descoberta e principalmente pela falta de rotina.

Tudo pode acabar mal, porém, se na hora do encontro, suas perspectivas não forem atendidas, talvez a pessoa não seja tão bonita como aparentava ser na foto, ou não usa roupas muito bacanas, ou ainda a voz é de uma ‘taquara rachada’. Um relacionamento que era perfeito no virtual se torna inviável no âmbito real por aspectos simples que poderiam ter sido descobertos antes, se o relacionamento tivesse começado num shopping ao invés de ter dado início numa sala de bate-papo virtual.
Pior ainda, é quando a pessoa não é nada daquilo que diz ser. É nesse ponto que entra a frase ‘Todo Cuidado é Pouco’. Como confiar numa pessoa que você nunca viu, nem sabe de onde veio, nem o que quer? A pessoa pode ser um pedófilo, um maníaco, ou simplesmente uma pessoa que quis encontrar mais um para ‘fazer de bobo’.

A parte digamos, crítica, de um relacionamento virtual, é tornar a relação real, marcando encontros para ‘se conhecerem melhor’. Neste caso é sempre bom repetir que marcar encontros em lugares ermos, ou mesmo em sua residência é no mínimo perigoso. A pessoa com quem você está marcando pode até se sentir ofendida pela possível desconfiança, mas conhecem aquela expressão ‘seguro morreu de velho?!’ Então, procure marcar encontros sempre em lugares movimentados, como shoppings, feiras, etc. Se a pessoa não aceitar, desconfie.
Relacionamentos virtuais podem dar certo? Claro que sim! Da mesma forma que relacionamentos ‘reais’ podem dar errado. Não existe uma fórmula secreta ou receita de bolo, fato é, tomar cuidado sempre e desconfiar antes de qualquer coisa. Existem inúmeros casos de relacionamentos pela internet que deram certo. Tem muita gente que consegue transformar esses encontros virtuais em namoros reais e até em casamento.

Enfim, não há uma regra, mas sempre devemos ter muito cuidado!

Anúncios

14 Respostas to “Relacionamentos nascidos na internet”

  1. Julio novembro 13, 2011 às 14:34 #

    Muito bom,gostei muito.

  2. Cristina novembro 13, 2011 às 14:48 #

    Muito bom, super divertido! Dei muita risada com a vida sem internet, os meninos e meninas estão ótimos! Prêmio especial para aquela das cutucadas… Cheguei a sentir aqui (rs). Parabéns, vou acompanhar o blog, é inteligente e antenado!

    • Joao. Ricardo novembro 13, 2011 às 15:23 #

      Muito bom. Já tive no passado um relacionamento que começou pela NET…

  3. Fernando novembro 13, 2011 às 15:14 #

    Muito bom, parabéns pelo blog

  4. Aliny de Souza novembro 13, 2011 às 17:03 #

    Adorei esse tema, esta cada vez mais em vigor os relacionamentos através da internet.
    Muito bem abordado a que relata os primeiros encontros, deve ser em espaços públicos, pois é o primeiro contato fora do virtual.

    • Tereza Cristina novembro 13, 2011 às 20:17 #

      Oi Ana vi sua mensagem na comu do mega city, gostei do tema, ainda mais q tem tudo a ver comigo, conheci meu marido pela internet num site de relacionamento, ele diz q pegou uma fregatgura, rsrsrsrs, ou seja, q sou como 171, sai do Brasil e vim de ferias pra Italia e aproveitei pra conhece-lo, antes haviamos trocado email, mensagens, skype msn, por quase 7 meses, no fim nao tive ferias quando cheguei aqui e nao voltei mais pro Brasil, vou todo ano claro de ferias, estamos juntos ha quase 5 anos e de casados quase 2 anos. tive sorte por nao ter encontrado um doido, louco, como existem tantos nesse mundo virtual,, azar foi o dele q teve q casar..rsrsrsrsrs. eu nao tinha como o primeiro encontro ter sido num local publico ainda mais pq nao tava no meu pais, e arrisquei muito, mais ao menos nao morrerei mais solteirona..rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs…

  5. Pessoa novembro 13, 2011 às 20:09 #

    acho q vc tem um ótimo blog, e tem futuro como bloguista

  6. maikon alexandre domingues novembro 13, 2011 às 20:11 #

    muito bom, um blog bem completo…. hehehe

  7. Laura novembro 13, 2011 às 22:43 #

    Gostei só vim pra te ajudar mesmo mais valeu
    Um blog que vale a pena!

    • virginia novembro 14, 2011 às 1:15 #

      Parabéns!!! gostei do tema.

  8. Arlene novembro 14, 2011 às 1:07 #

    Vim pra te dar apoio e concordo com tudo q voce disse. É pra lá de arriscado. Voce está de parabéns. bjin

  9. clélia março 27, 2012 às 19:12 #

    eu particularmente , adoro o relacionamento via internet, mas sou desconfiada! Bom…. acreditando ou não, estou apaixonada por um homem que está a milhares de quilometros do Brasil, ele está também muito envolvido, mas sinto que, é como um sonho. A distancia é um fator complicador, temos um relacionamento inteiro virtual, mas falta o toque. Acho que ele quer ter certeza do que realmente quer, e eu, impacienteeeeee. Fazer o que? Deixo-me levar por estes sentimentos ou é hora de dizer basta?

  10. Bia junho 13, 2012 às 11:26 #

    Adorei o post!! Me chamo Bia e eu tive uma otima experiencia em se tratando de namoro virtual. Conheci a dois anos atras uma pessoa muito especial em um site de relacionamento. Ele morava nos EUA, ficamos 6 meses conversando pela internet depois ele foi me conhecer no Brasil. Hoje estamos casados e muito felizes. To morando aqui com ele. Acho que nao custa nada tentar, vai que da certo como deu pra mim. Fica a dica do site que conheci meu amor http://www.bomcupido.com.br Bjos a todos!!

  11. Eve junho 18, 2015 às 13:59 #

    Furadaaaaaa…Relacionamentos virtuais, um em um milhão virarão algo substancial.
    Ilusão, pessoas gostam e se alimentam de projeções, de idealizações.
    Passar meses se relacionando só no virtual sem que isso vire real, furadaaaaaaa.
    Relacionamento=cumplicidade, reciprocidade e principalmente: Querer .
    Quem não quer inventa mil desculpas e a carência acredita.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: